Kanindés

Ouça a trilha sonora deste post:  Assum Branco , de Zé Miguel Wisnik

 

 

“Kanindés”, palavra indígena que designava uma tribo de índios missionados e que primitivamente habitam as margens dos rios Banabuiú e Quixeramobim. Etimologicamente, existem três versões para o nome, são eles: “teu seio”, “tua cama” e “teu manto”.
População: 71.235 habitantes,
Distância de Fortaleza: 108 km, localizada na área do sertão central do Ceará.
Canindé é destino da segunda maior peregrinação no mundo devotada a São Francisco (superada apenas pela peregrinação em direção a Assis, na Itália, terra natal do Santo). Na semana de 26 de setembro a 4 de outubro (dia de São Francisco), cerca de 2,5 milhões de pessoas visitam a cidade; embora haja peregrinos de todas as classes sociais, a imensa maioria é de pessoas humildes.
A devoção dos fiéis é tão forte que o Vaticano elevou a Igreja de São Francisco de Canindé ao status de Basílica, reservado apenas aos principais destinos de peregrinos cristãos em todo o mundo; Canindé é considerada o maior santuário franciscano no continente americano.
A maioria dos fiéis demonstra sua fé e seus agradecimentos por meio de uma expressão típica da cultura religiosa nordestina, os ex-votos, objetos feitos geralmente em madeira, que representam o resultado positivo da promessa ou pedido atendido pelo santo.


About this entry